Piercings são tipos de joias ou bijouterias que podem ser aplicados em diversas partes do corpo, a título de adorno. O intuito original da aplicação de um piercing no corpo é fazer algum tipo de modificação – que tenha ou não, significado.  Para fazer a aplicação de algum tipo de piercing em qualquer parte do corpo é necessário que seja feito um furo na pele, e aqui deve-se ter uma série de cuidados, entre eles o de ter a precaução de verificar se a peça compra para aplicação é ou não uma joia de qualidade, uma vez que ela poderá provocar reações alérgicas consideradas graves.

Tradição que remonta há mais de 5.000 anos, a prática de furar os corpos com objetos de metais assépticos possui uma conotação bastante similar à da tatuagem. Em certas culturas, a prática conferia status de nobreza, ou tentava traduzir, de algum modo o grau de religiosidade de certo indivíduo. Hoje, na sociedade contemporânea, a colocação de piercings está mais ligada à questão de identidade individual e coletiva. Não importa. Manifestar-se faz parte do humano e de suas percepções de mundo.

Acontece que, quem vai colocar algum tipo de adorno de metal em quaisquer que sejam as partes do corpo, deverá estar atento a algumas questões, dentre elas se a joia escolhida, é de fato, produzida por material nobre que não contenha elevados níveis de níquel ou chumbo – materiais pesados que provocam comumente reações alérgicas na pele, em especial de pessoas que já possuam algum tipo de propensão às alergias.

Segundo os especialistas, tanto bijouterias como joias podem provocar reações alérgicas nas pessoas, porque nestas peças há a presença de materiais como níquel e chumbo, responsáveis pelas reações como vermelhidão, prurido, que invocam as coceiras e até mesmo as infecções. Mesmo algumas joias não estão livres da presença de níquel, especialmente. Ouro e prata podem conter níveis baixos, mas que podem provocar certas reações. E, quem se tratando de piercings, é fundamental que a joia seja feita a partir de materiais que não causem reações, e se houver alguma, que seja mínima.

Piercings podem ser produzidos com os mais diversos materiais, entretanto, as peças mais seguras são aquelas feitas em titânio ou teflon. Estes materiais não costumam provocar reações orgânicas, e, dessa forma, menos alergias. De qualquer forma, não há garantias de que não irão provocar nenhuma reação. Não use piercing de ouro, pois este metal contém níquel.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *