Como Escolher Um Anel de Pérola

O fascínio feminino por joias é quase um legado ao próprio gênero.  E não importa se são colares, pulseiras ou anéis, as joias conferem elegância e permitem que praticamente todas as mulheres tenham em suas casas um grande conjunto de pérolas. Outra paixão quase convexa.

 

Embora o interesse por joias por parte das mulheres ser algo inevitável, é importante fazer algumas considerações antes de sair fazendo compras de joias, em particular de anéis de pérolas. Há uma diversidade de modelos à venda no mercado, mas que devem ser combinados com o tipo de silhueta, com o estilo e o tom de pele de cada mulher.

 

Há, portanto, certas regras que devem ser seguidas para fazer a compra de um anel de pérolas. A primeira delas é fazer a escolha consciente e acertada, tendo controlo emocional para não cair no risco da simples ostentação visual. Anéis de pérolas são para a vida toda e devem combinar com as mãos de que vai usá-lo, não devem ser apenas bonitos na vitrine.

 

É necessário que o anel de pérola combine e se interligue com a roupa que vai vestir, caso o anel esteja sendo comprado para algum evento especial.  Ainda assim, é preciso que se defina muito bem a cor da pérola e do anel, bem como o tamanho dele.  Se for o caso de evento mais formal e sóbrio, opte pelo anel com uma pérola negra e pave de brilhantes. É um autêntico luxo, e espalha um ar totalmente requintado a toda a sua silhueta.

 

Já se o anel for para uso corriqueiro e eventos mais sociais e de lazer, porém que requerem certo grau de requinte, a escolha certa será comprar um anel de ouro com uma pérola chocolate. Esta sugestão é feita, pois estas tonalidades do anel conferem um tom muito contemporâneo e cheio de energia e vitalidade a composição de todo o visual.

 

Caso o anel esteja destinado para festas mais convencionais, um anel com pérola branca é sempre lindo e luxuoso, são passíveis de fornecer aquela característica tradicional e requintada, que a situação exige.

 

Mas ainda é possível fazer uma visita a uma ourivesaria e levar um desenho de um modelo totalmente pessoal, cuja marca esteja impregnada no anel. Escolha o metal, e o tipo de revestimento, e até mesmo o tipo de pérola – Shell peroliza, pérola da água fresca, pérola de Mabe – e a cor, o tamanho e peso de todo o anel.

Como Escolher um Brinco Com Pedras

Um dos acessórios essenciais para a composição do visual da mulher são os brincos. Eles ajudam a destacar a beleza da mulher e permitem igualmente atrair mais os olhares para elas. No momento da escolha é importante que os brincos façam a harmonização com toda a silhueta e que combinem não só com a composição das roupas, mas também com o seu tom de pele e a própria personalidade.

 

Nunca deixe de usar um par de brincos, em especial em eventos de trabalho.

 

Mesmo sendo um dos acessórios mais usados e queridos pelas mulheres, nem sempre escolher um bom e, adequado, par de brincos é tarefa fácil. São tantos os modelos, materiais de que são feitos e tamanhos, que na hora da escolha, eles podem confundir até mesmo os mais especialistas no assunto. Um modelo de brincos que sempre faz muito sucesso e pode ser usado por todos os tipos de mulheres (guardadas as devidas combinações e harmonizações) é o brinco com pedras.

 

A regra geral é sempre a mesma para qualquer brinco, mas deve ser seguida à rica, em particular no caso de brincos com peras. Eles devem harmonizar totalmente com a tonalidade de pele de casa mulher, e principalmente,  como a cor dos olhos, fazendo os devidos contrastes.

 

As mulheres com olhos em tonalidade cinza esverdeados são aconselháveis os usos  de brincos que tenham pedras em ágata, berilo ou granada e também com variedades de coloração em  turquesa. Tais cores ajudam a realçar ainda mais a cor dos olhos.

 

Já as mulheres que possuam olhos na tonalidade verde, os brincos com pedras em tons de crisotila são perfeitos e, para olhos de cor azulada, utilize brincos com pedras de cores saturadas, como turquesa ou preto. Destacam muito s olhos.

 

Mulheres com olhos em tons de castanho possuem outra grande variedade de opções. Os brincos com pedras mais adequados são os que possuem pedras brilhantes, de cores também brilhantes, como o rubi, a esmeralda ou o topázio dourado.

 

A silhueta também interfere na escolha do par de brincos adequado. Mulheres plus size ou que tenham o rosto mais arredondado é recomendado o uso de brincos que permitam e promovam o alongamento do rosto. Para estes casos, deve – se usar brincos bem estreitos e alongados. Estes brincos compridos permitem aprimorar a beleza do seu rosto. Entretanto, evite o uso de colares e se usá-los, procure diminuir bastante o tamanho deles.

 

Mulheres que tenham cabelos compridos, os brincos com pedras também devem seguir o mesmo padrão.

 

Como Escolher Um Brinco de Prata

Certamente, um dos acessórios que não pode falta a nenhuma mulher são os brincos. O uso deste acessório deixa a mulher mais charmosa, bonita e elegante. Os brincos ainda indicam a personalidade de cada uma delas e ajudam a valorizar a silhueta e harmonizar as formas.

 

Os brincos não precisam ser necessariamente as peças mais caras para compor o visual, podem ser de quaisquer materiais, desde que tenham qualidade e bom acabamento. Uma ótima opção e que combina com qualquer mulher são os brincos de prata. Eles, em geral, possuem um valor mais baixo do que brincos feitos em outros materiais como ouro e pedras preciosas. Mas, vale lembrar, que mesmo possuindo um custo menor é importante saber como escolher as peças certas para não errar na escolha.

 

Eles podem ser grandes, pequenos, redondos, quadrados, com ou sem pingentes. Os brincos de prata estão entre os preferidos porque são mais baratos, fáceis de serem encontrados, não chamam muito a atenção e ficam bem em qualquer mulher.

 

Tenha em mente o tamanho do brinco e verifique se ele se harmoniza com a sua silhueta. Também é importante escolher um modelo de brinco que combine com o tipo de rosto e, principalmente, o corte de cabelo. É o corte quem vai definir o melhor modelo de brinco para cada mulher.

 

Mulheres que possuem cortes de cabelo mais curto pode usar qualquer dos modelos oferecidos no mercado, já que cabelos curtos favorecem o brinco usado e este estará sempre em evidência. Os brincos menores são mais apropriados para usar no dia a dia e, caso deseja uma sofisticação um pouco maior, para ir a uma festa noturna, uma boa opção são brincos com algum tipo de pedra brilhante.

 

Já para as mulheres que possuem cabelos médios, na altura d ombro, o ideal é fazer a opção por brincos maiores, próprio visual já pede esta composição.  Os brincos de tamanho médio são os ideais, já que os cabelos soltos, na altura do ombro, tendem a esconder o brinco, por isso, se optar por um brinco pequeno este mal irá aparecer. Os modelos que contêm detalhes em pedras ou cristais cabem bem em qualquer situação.

 

Os cabelos longos pedem brincos maiores. Para que os brincos sejam mais visíveis,  use-os com o cabelo preso, pode ser um rabo de cavalo ou uma trança, que está em alta.
Cuide bem dos brincos de prata. Para evitar que a peça se desgaste com o passar do tempo, tenha sempre em casa um fluido para limpar peças em pratas.

Como Escolher Um Colar de Pérolas?

Não há nenhum outro acessório feminino mais charmoso do que um colar de pérolas. Elegantes, ajudam a complementar a sua silhueta e combinar com as tonalidades e formas do vestido. Trata–se e um acessório que está ligado diretamente à história de um dos rituais também mais amados pelas mulheres – o casamento. Isto porque é nessa festividade que as mulheres sempre se produziam mais. Todos os estilos, desde que garantissem o glamour, eram permitidos e muitas pessoas adicionam outras joias aos colares. No entanto, é preciso ter certo  cuidado para não atrapalhar a beleza do colar, sem pesar nas combinações.

 

Para escolher um colar de pérolas, assim como todos os demais acessórios que compõe o visual feminino, é importante respeitar algumas regras básicas. Por exemplo, a escolha da cor da pérola, por mais surpreendente que possa parecer, é a questão mais fundamental na hora de fazer a escolha de um colar. As cores mais comuns, e também as mais elegantes e bonitas, são o branco, o cor-de-rosa, o preto, o cinzento e a prata.

 

Outra dica fundamental é que a cor do colar de pérolas deve sempre combinar com a cor do vestido que será usado, bem como com a tonalidade de pele de cada mulher. Há muito tempo, que o colar de pérola deixou de ser um simples acessório e passou a fazer parte da composição total do look.

 

Observe ainda o tamanho das pérolas que servem para compor o colar. As pérolas possuem os mais diversos tamanhos e formas. Todos eles se adequam a um estilo e a uma silhueta, e dependem principalmente do bom gosto e do bom senso da mulher na hora de fazer a escolha. O ideal é fazer a opção por um modelo que combine e conjugue com as suas proporções físicas e também com a forma e volume do próprio vestido.

 

Repare ainda no comprimento do colar, que é um aspecto de grande relevância. Os  colares de pérolas estão disponíveis em diversos tamanhos e comprimentos, a escolha depende exclusivamente do estilo do seu vestido ou silhueta. Os comprimentos mais comercializados são os de 17 a 19 polegadas, – que corresponde ao estilo tipicamente princesa; embora os de 26 a 32 polegadas também sejam adequados à maioria dos vestidos.

 

Não adicione outras peças aos colares de pérolas, mesmo que alguns consultores em moda, ou mulheres teimem em fazer isto, não o faça.  Colar de pérolas deve se manter bonito por si só, e misturá-lo a outras joias pode causar um efeito desastroso.

Como Escolher Uma Joia Com Pedras e Pérolas

Muitas mulheres até possuem o desejo de comprar joias que sejam feitas tanto com pedras quanto com pérolas. Há uma insegurança por parte de algumas, que creem que podem estar exagerando na combinação. É claro que é perfeitamente possível apenas adotar uma composição de joia com pedra, ou joia feita com pérola. Mas é perfeitamente possível fazer a adoção do uso de joia que seja feita com as duas preciosidades, basta apenas saber quais são as dicas para fazer tanto uso quanto as combinações corretas.

 

A mistura de joias com pedras e pérolas simultaneamente é de fato algo muito singular. Para ocasiões mais formais ou mais descontraídas, um fio clássico de pérolas fica sempre bem, mas pode sempre adicionar contas ou pedras para variar um pouco. Como as pérolas são sempre opções muito atraentes, em especial quando são combinadas com certas pedras tais como ametista, quartzo e cristal. Colares sobrepostos de pérolas são bastante populares e elegantes.

 

É ainda possível, em algumas ocasiões, fazer a personalização com um pingente ou dois, ou um amuleto. Dessa maneira, é possível que se tenha não apenas um colar, mas vários colares, por exemplo. Escolha, na hora da compra, sempre um colar que permita oferecer uma brincadeira útil com as peças. Se o estilo for mais solto e descontraído, uma outra boa opção são os colares com fio de couro com pingentes de pedras ou pérolas. Fica muito jovial, despojado  e alegre.

 

As mesmas dicas devem ser seguidas para conjunto de pulseiras ou conjuntos de colar com pulseira.

 

Se a joia tiver uma mistura de pedras e pérolas, não escolha pedras que possam ofuscar suas pérolas. Se quiser as pérolas para ser a sua peça principal, conjugue-as com uma sequência simples de pérolas coloridas e um fecho de prata, para um look sempre elegante.

 

É possível ainda que as peças sejam desenhadas e levadas a um ourives – ou ateliê de joias – para que o artista execute a peça. Escolha sempre pedras e pérolas que combinem com o tom da pele, bem como a silhueta. Esta tem sido uma das grandes sacadas no uso de joias nos últimos anos, isto porque as joias deixaram de ser apenas um símbolo de poder aquisitivo e passaram a representar um conjunto maior – que é a composição do visual da mulher. Elas devem conjugar  estilo,  local onde a joia será usada, bem como a beleza das peças à beleza natural da mulher.

 

Como Escolher Uma Joia Com Pérolas

É raro encontrar uma mulher que não pare na frente de uma vitrine com joias. Ainda mais se a loja for de joias. Se as joias tiverem pérolas, a situação fica ainda mais insana, uma vez que as mulheres podem passar horas na frente da vitrine até ter a coragem de entrar e fazer a aquisição da peça.

 

Na antiguidade, as joias com pérolas tinham uma simbologia muito forte, uma vez que era muito difícil encontrar uma pérola. Como era uma pedra muito rara, por conta da dificuldade para encontrar as ostras, ela era chamada de “Rainha das Gemas” e tinham um preço altíssimo, somente os nobres muito ricos ou pessoas muito poderosas possuíam uma joia com uma pérola.

 

Anos mais tarde, descobriram que a pérola poderia ser cultivada se dentro da ostra fossem colocados certos materiais. Os antigos então passaram a produzir as pérolas em grande quantidade, com a mesma qualidade, tanto que não há diferença entre as cultivadas e as localizadas no mar até hoje. É o contato com certas substâncias encontradas nas ostras que as tornam verdadeiras. Desde então, tornaram-se peças mais acessíveis e foram mais popularizadas.  O que não diminuiu em nada a sua beleza e o seu valor.

 

Mas é importante tomar alguns cuidados quando o assunto é fazer a escolha de uma joia com pérola. Isto porque existem pérolas de cores variadas, as quais podem ser brancas, peroladas, rosadas, e que podem ainda ser joias adaptadas, aos mais variados estilos e gostos.

 

A pérola negra é mais rara, portanto, custará um pouco mais. Pesquise muito antes de fazer a compra, e de preferência, verifique a idoneidade do vendedor. Há muitos falsificadores vendendo pérolas no mercado. Também desconfie de preços ofertados na internet muito abaixo do valor que seria oferecido por um lojista físico.

 

Para saber se uma joia com pérola é falsificada, note a quantidade de brilho de cada pérola. As pérolas falsificadas possuem muito brilho, são mais pesadas e lisas, enquanto que as verdadeiras são mais ásperas e são tendem à opacidade.

 

Ao comprar uma joia com pérola tenha a certeza de estar adquirindo um acessório muito versátil, então vale todo o investimento. Joias feitas com pérolas, tais como anéis, alianças e brincos podem ser usadas,  tranquilamente, durante o dia com roupas casuais, assim como os colares mais compridos, feitos com corrente e pérolas, com várias voltas, que dão um toque especial a composição do visual.

 

Como Escolher Uma Pulseira de Pérola

Os acessórios ganharam cada vez mais espaço e importância na composição final de qualquer look, mas nem sempre está é uma escolha fácil de ser realizada. Optar por joias e acessórios que contenham pérolas é cada vez mais usual, elegante e assertivo para qualquer estilo de mulher.  Uma pulseira de pérolas garante vários tipos de look a diversas silhuetas, e dependendo do estilo e personalidade, ainda garante um tom clássico, moderno ou vintage.

 

Se alguém disser que a pérola é ultrapassada e fora de moda, não dê ouvidos. Nunca está pedrinha esteve tão em alta e tão popularizada. Seja colar ou pulseira de pérolas, este acessório é muito chique e já faz parte até das aplicações de vestidos das mais variadas festas e ocasiões.

 

Para fazer a escolha de uma pulseira de pérola, é preciso se ater a alguns detalhes bem importantes. A dica geral é fazer a escolha por um modelo de pulseira, cujas pérolas combinem com o seu tom de pele. A pérola de cor branca é a mais tradicional e é muito elegante e repleta de glamour. Há ainda as de cores prata, cinza, preta ou mesmo cor-de-rosa. A escolha vai depender também da ocasião em que a pulseira será usada e se em dia festivo, com qual cor de roupa.

 

Evite comprar pulseiras de pérolas muito volumosas ou muito grandes. A pulseira é um objeto que se deve ser discreto e simples, no sentido de não ofuscar o resto da silhueta. Dessa forma,  prefira sempre as pulseiras com apenas uma volta, ou no máximo duas voltas. Este modelo fica sempre mais adaptado ao pulso e confere comodidade a quem está usando.

 

O tamanho das pérolas da pulseira também deve ser considerado. Não compre pulseiras com joias muito grandes, umas vez que elas se tornam desajustadas e conferem um ar muito carregado ao visual. A pulseira deve servir apenas como um complemento do visual, e não a composição principal do mesmo.

 

Para quem ainda possui dúvida na hora de fazer a compra e, em seguida, a combinação das peças, compre a pulseira juntamente com o colar. Assim é mais fácil ter a certeza de que a combinação está correta. Ainda faça todas as avaliações indicadas anteriormente, e não deixe de considerar a qualidade das pérolas.

 

Leve ainda outra dica em consideração. As pulseiras precisam funcionar dentro de um conjunto, nunca ínsita em uma peça apenas para comprá-la ou porque a deseja muito.

Como Usar Acessórios da Moda

É quase impossível encontra uma mulher que não goste dos acessórios que estão na moda. Mesmo entre as mais clássicas, uma peça ou outra sempre vai aparecer na composição do visual. E são muitas as peças que fazem a cabeça – e o look das mulheres, bem como os exageros. Mas aclame-se, até estes têm  sido perdoados na composição de alguns looks. Mas, sempre vale lembrar que, para misturar as variadas peças, o bom senso sempre deve prevalecer. E, se possível, vale a pena ainda seguir algumas dicas de como combinar algumas tendências.

 

Os brincos são acessórios femininos que nunca vão sair de moda. E a cada nova estação, um novo modelo surge nas orelhas de alguma famosa e logo viram febre. Os brincos grandes são acessórios da moda que estão em alta e a regra é usar à vontade, mas use o bom senso, evite brilho demais durante o dia. Eles também são mais indicados para quem usa cabelos longos, se  não for este o caso, use uma peça um pouco menor, que se ajuste bem ao tipo de rosto e silhueta. À noite, eles estão permitidos para todas, desde que os colares a gargantilhas não façam parte da combinação. Use os pequenos e médios durante o dia.

 

Os colares têm seguido a mesma tendência dos brincos e aparecido em tamanhos denominados maxi. A regra geral diz permite a mistura de mais de um colar, entretanto, a roupa deve ser o mais simples possível. Os colares chamam muito a atenção, e se usados com combinações mais extravagantes, vão provocar um visual peso e sem harmonia.

 

Outra regra que serve para os outros acessórios, como brincos e pulseiras, se o colar for maxi, use um brinco discreto, ou seja, mantenha a distância. Se a pulseira for muito chamativa, use anéis menores. Se usar um brinco maxi, combine-o com a pulseira. Se usar um maxi colar combine – o com pulseira. Pequenos devem combinar com os grandes e vice e versa.

 

As pulseiras estão em alta e a mistura e combinação entre as peças é bastante democrática.  É possível fazer a mistura de estilos, de materiais – couro e ouro, couro e prata, couro e pedrarias, couro e strass. Também podem ser misturados os estilos de pulseiras, sem qualquer problema. Acontece que aqui vale a regra da quantidade, que não deve ser exagerada, para que o efeito não seja de uma composição pesada. Se usar diversas pulseiras, limite-se a um brinco pequeno. O mesmo serve para colares e anéis.

Como Usar e Combinar Anel Duplo

A ousadia na moda não aparece apenas nas roupas e sapatos que servem para fazer a composição dos visuais do dia a dia. A moda também é ousada quanto o assunto são os acessórios. Estes acompanham as mulheres desde todo o sempre. Nenhuma mulher fica sem complementar o visual, nem que seja coma apenas um anelzinho em seu dedo.

 

Como o universo da moda é altamente criativo, e que se renova a cada nova estão, não é de se surpreender que novidades irão aparecer ao longo dos meses. Dentre as novidades que estão em alta, está o anel duplo, que possui um design moderno e ao mesmo tempo delicado.

 

Vale lembrar que uma peça nova, implica em certas regras de uso. Como o anel duplo possui um designer mais moderno, ele precisa ser combinado com certo equilíbrio. Ele pode ser agregado a um visual mais clássico, desde que sejam feitas as devidas combinações. Portanto, o uso ou não do anel duplo dependerá da ocasião e das combinações a serem feitas. Uma festa mais formal, em que a mulher irá utilizar roupas mais elegantes como, por exemplo, vestidos, saias e blazers,  é mais indicado usar anéis mais sofisticados como os que possuem desenhos de flores ou aplicações de pérolas. Pequenas pedrarias e designers discretos são ótimas opções também. Caso queira de todo modo usar um anel único, coloque – o na outra mão.

 

O anel duplo, sem sombra de dúvidas, compõe um visual mais casual, do dia a dia. Quem gosta desse modelo de anel, deve apostar em acessórios grandes, que possuem desenhos de animais como, por exemplo, corujas, escorpiões, entre outros insetos, também possível encontrar o objeto com estampas de palavras. Trata-se, portanto, de um acessório bem jovial, mas que fica bacana em pessoas mais maduras que saibam dosar as composições.

 

O uso de anéis duplos pede muita parcimônia no uso dos demais acessórios. Não é recomendado utilizar brincos e colares de tamanhos grandes, o ideal é que sejam médios ou pequenos.

 

A combinação entre os acessórios para quem vai optar pelo anel duplo é outro cuidado que deve ser tomado. O anel duplo pode ser usado com várias pulseiras mistas de metal ou de couro que estão em alta atualmente, e até um anel duplo em cada dedo. Isto pode ser agregado em um visual básico, com camiseta e calça jeans, é uma forma que pode ser utilizada para ressaltar a composição do look.

Como Usar e Combinar as Bijuterias da Moda

As bijuterias já conquistaram o seu espaço na moda, bem como nos armários das mulheres. Não há uma mulher que não se renda ao uso de uma bijuteria, seja lá qual for o modelo e a qualidade. As bijuterias são acessórios altamente femininos e que contam com um design cada vez mais original e cheio de requinte. Elas podem passar quase despercebidas ou chamar mais a atenção do que verdadeiras joias. Levando em conta que há uma infinidade de bijuterias que estão à venda no mercado, saiba como escolher as peças e combiná-las da forma mais harmônica possível.

 

Uma das tendências que conquistou o público feminino é a dos acessórios maxi. Estes podem ser brincos, pulseiras, colares, e até anéis. Os maxi colares seguem algumas tendências de uso. Apresentam – se em versões com spikes, tachas, paetês, pedras e cristais, além de aplicações de bordados e rendas, e que acabam constituindo uma peça chave para levantar um visual mais básico. Ao optar pelo maxi colar, escolha um visual mais neutro e clássico, deixando toda a atenção para a bijuteria, principalmente se esta for bem colorida. Não exagere na roupa ou em outro acessório. Os brincos – se usados – devem ser bem pequenos. Os maxi colares podem ser usados no dia a dia ou em festas mais sofisticadas.

 

As pulseiras maxi são a tendência do ano de 2015 e serão usadas em todas as coleções. O uso de pulseiras pede uma mistura de estilos. Dessa forma, use e abuse de um charme a mais nos pulsos. Aposte em modelos com spikes, com pingentes em forma de crucifixos e em cores neon, as maiores tendências de moda em matéria de acessórios. Os braceletes também estão na moda, principalmente, aqueles em tons metálicos ou com inspiração étnica. Os de miçangas artesanais também estão na moda.

 

Outra dica de uso de maxi acessórios são os modelos inspirados na cultura da Turquia. Vale tanto para joias quanto.  Aposte no uso do “tassel”, tradicional colar turco. Ainda valem os  anéis, os brincos, as pulseiras e os braceletes. No quesito pulseiras, misture mais de um modelo com inspiração turca com as clássicas rivieras. Elas ficam bem diferentes, charmosas e sofisticadas. Em relação ao tassel, a maneira mais adequada é usá-la com um brinco mais discreto. Estes modelos de pulseiras sozinhas já chamam bastante a atenção.

 

Não faça a composição de modelos turcos variados na composição do mesmo visual. Ficam pesados os acessórios e comprometem o conjunto. Opte por apenas um estilo.